Imóveis da USP provenientes de herança vacante precisam ter uma política de uso

16955826782_137a47327e_z

Imóvel da USP à venda na R. da Consolação. Foto: Gaf\Flickr

No meu comentário dessa semana na Rádio USP, enfatizei a importância de existir uma política para os imóveis pertencentes à Universidade de São Paulo que são provenientes de herança vacante, um mecanismo previsto em lei que destinou para a USP, entre meados dos anos 50 e o começo dos anos 90, bens deixados por pessoas sem herdeiros.

Segundo reportagem do jornal O Estado de S. Paulo dessa semana, são mais de 300 imóveis, boa parte deles sem uso e vários ocupados irregularmente com usos comerciais.

Com a crise financeira que atinge a universidade e tantos outros orçamentos públicos e de famílias no país, há um forte argumento em defesa  da venda desses imóveis para gerar recursos.

“Se estão vazios poderiam se transformar em uma estratégia de apoio, de permanência aos estudantes na USP, à moradia estudantil (…). De qualquer forma, é muito importante pensar em uma política para esses imóveis”.

Ouça a íntegra do comentário no site da Rádio USP.

2 comentários sobre “Imóveis da USP provenientes de herança vacante precisam ter uma política de uso

  1. Cara Raquel e Leitores deste Blog
    Sem dúvida a USP chegou ao 5º subsolo depois do fundo do poço. Assim como a nossa querida Santa Casa de Misericórdia, há , sim , uma brutal falta de gestão honesta e ilibada.
    Tudo se remete a falta de ética no gerenciamento da coisa pública. No caso da USP, as insanidades vem de muitos anos atrás, e agora chegou em um patamar insustentável.
    Falta de um gestão corajosa no passado e nos dias de hoje colocam em perigo a maior e melhor Universidade da America do Sul. Existem inúmeras maneiras de tirá-la do atoleiro, isto se houver vontade politica e a vontade real de vestir a camisa da U S P. A venda ou leilão dos imóveis é apenas uma das soluções para se fazer caixa . Isto deve ser feito , combinando com outras ações de recuperação da sanidade financeira da Instituição. Devemos lembrar que imóveis nos dias de hoje tem pouca liquidez, talvez demorasse cerca de uns cinco anos para a USP se desfazer deste Patrimônio , que acaba sendo um peso desnecessário para a mesma.
    O foco da USP é, sem dúvida, o Ensino e a Pesquisa de Excelência, e não uma Administradora Imobiliária, e para administrar e cuidar destes imóveis deve ter um alto custo.
    Supondo que a USP consiga vender todos os imóveis, seria necessário criar uma comissão mesclada de pessoas que tenham ética e amor pela Universidade, pois se esta receita for mal administrada, em pouco tempo , tudo isto poderá virar pó e a situação financeira da USP , continuará a mesma. Outra ação importante para a USP, é caça aos marajás, pois sabemos que o maior problema da Universidade é a Folha de Pagamento. Deve haver um consenso entre todos os funcionários para um certo sacrifício para salvar o seu próprio emprego.
    Uma campanha de doações em dinheiro , também seria uma importante colaboração, de alunos, mestres e ex-alunos (estes, na sua grande maioria bem sucedidos na vida) Poderia se abrir o livro de Ouro para doações. Isto também deverá ser gerenciado por uma comissão , bastante ética , também, com indivíduos de todas partes da USP, ou seja, alunos, mestes, funcionários, e ex-alunos ou ex-mestres, que realmente amem a Universidade de São Paulo.
    Grato por mais esta oportunidade
    Antonio da Ponte
    Ambientalista da Aclimação.

  2. “Tudo se remete a falta de ética no gerenciamento da coisa pública. ”

    tem um jeito bem fácil de resolver isso: privatização. é necessário acabar com a “coisa pública” para que nosso dinheiro pare de ir para o ralo, melhor, para o bolso dos burocratas e politicos de plantão.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s