Petrobras, cadê o parque em Vitória?

Moradores de Vitória (ES) estão cobrando da Petrobras a construção de um parque numa área onde a empresa está construindo uma grande unidade de negócios. Segundo informações enviadas por um leitor, uma das contrapartidas exigidas pelo Estudo de Impacto de Vizinhança (EIV) para a aprovação do empreendimento foi a construção do parque numa área de 15 mil m². O EIV é um dos instrumentos previstos no Estatuto da Cidade para planejamento e gestão do solo e a cidade de Vitória já vem aplicando este mecanismo, procurando compensar os impactos urbanísticos de grandes empreendimentos.

Agora, o centro de negócios está prestes a ser inaugurado e o parque ainda não saiu do papel. O que me impressiona nessa história é que ela mostra uma prática recorrente: quando se exige de uma empresa uma contrapartida para a construção de um empreendimento, esta nunca fica pronta antes (nem ao mesmo tempo) que o empreendimento. E depois que o gerador de impacto foi inaugurado, é bem mais difícil para as comunidades afetadas exigirem a implementação da contrapartidas.

Veja, no Facebook, a página da associação que luta pelo parque: http://www.facebook.com/CADEOPARQUE

* Foto tirada da página da associação no Facebook.

2 comentários sobre “Petrobras, cadê o parque em Vitória?

  1. Pingback: Prefeitura de Vitória esclarece questionamentos sobre demora na construção de parque | blog da Raquel Rolnik

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s