Audiência pública sobre a Nova Luz foi remarcada e acontecerá nesta sexta-feira

Será realizada amanhã, às 18h, no auditório Celso Furtado do palácio de convenções do Anhembi, a audiência pública sobre o projeto urbanístico da Nova Luz.

A audiência deveria ter acontecido desde o dia 14, mas foi cancelada devido a presença de centenas de manifestantes, especialmente trabalhadores e moradores da região. Desta vez, a prefeitura fará um credenciamento dos interessados em participar da audiência, entre 15h e 18h, no local.

A Associação de Moradores e Trabalhadores da Nova Luz está preocupada com o destino da população que trabalha e reside na região, já que o projeto prevê a demolição de 30% da área, e cobra da prefeitura garantias de que os direitos dessas pessoas serão respeitados. Leia mais sobre as propostas da associação.

Para quem quiser saber mais sobre esse tema, recomendo o interessante debate realizado hoje pela rádio CBN entre o secretário municipal de Desenvolvimento Urbano, Miguel Bucalem, e o presidente da Associação Comercial de Santa Ifigênia, Paulo Garcia. Para ouvir o debate, clique aqui.

2 comentários sobre “Audiência pública sobre a Nova Luz foi remarcada e acontecerá nesta sexta-feira

  1. Está claro o impositivo (perverso) do Projeto Nova Luz “de cima pra baixo”, quer em suas origens (2005), quando o projeto foi lançado pelo então prefeito José Serra, quer sob a nova modalidade, atrelada à Concessão Urbanística, que denominamos “Novo Nova Luz”. Os hilários “deseínhos” apresentados como “Plano Preliminrar”, tanto quanto suas diretrizes em termos de fluxos e funções, não passam de referências exógenas absolutamente gratuitas. A avaliação nossa é ZERO: ZERO para com os deseínhos tidos como “Plano Urbanístico” e ZERO para com relação ao direito à cidade, pois não se contemplou o enorme contigente de pobres instalados há décadas na região, não se considerou o fenômeno da maior cracolândia brasileira e tampouco se considerou a patente vitalidade que devemos ao comércio de eletrônicos na região. Enfim, a mania exacerbada em que “arquitetos” e “urbanistas” se prontificam ante a tal Nova Luz é antes de mais nada uma vergonha. Fiquemos, pois, com a venha “Santa” que, cf. “unida, jamais será vencida”. Parabenizamos as fortes manifestações-apitaços nas duas tentativas de “audiências” (FATEC e Anhembi, respectivamente nos dias 14 e 28 de janeiro) como forma de repúdio aos deseínhos e discursos kasabianos.
    Arnaldo de Melo, doutorando na FAU USP, desde 2007 acompanhando os intentos para o Nova Luz idealizado pela tríade de higienistas Serra/Kassab/Matarazzo.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s