Queremos um trem para o litoral!

1)

2)

Obs: Estou sem ajuda para transcrever as colunas, mas para não deixar de atualizar o blog colocarei o áudio.

3 comentários sobre “Queremos um trem para o litoral!

  1. O perverso lobby da indústria automobilística ‘matou’ a rede ferroviária nacional, com a óbvia e articulada conivência e colaboração do(s) governo(s), e seguem nessa toada.

    Sua campanha seria maravilhosa tanto quanto utópica, em vista da linha governamental adotada e cristalizada. Mas, eu serei o primeiro a apoiá-la sem dúvidas, pois amo as estradas de ferro. A reativação e dinamização da ferrovia no Brasil é a única alternativa de uma mudança de rumos no que concerne um modelo de urbanização brasileiro de qualidade. Tantas vantagens, relevo favorável etc…e tanto desperdício.

    Me recordo de quando estive na Argentina em 1990 (imediatamente pré-Menem), com sua então combalida economia pelos anos de ferro da ditadura militar e dos anos Perón, espantei-me em ver o tamanho e alcance da malha ferroviária argentina. Era de causar inveja a qualquer cidadão que valoriza o bom transporte público. Apenas a qualidade estava discutível, justamente pelos anos de descaso.

    Grande abraço.

  2. Raquel!!!

    Heheheh, olha eu novamente aqui comentando no seu blog! Não pude deixar de fazer este comentário após ouvir o que você disse à Band News!!!!

    Eu trabalhei na RFFSA de 1984 ate a data de sua privatização (98) aqui na Regional SR 5 (PR,SC) e SR 6 (RGS). Até hoje, não me conformo com a grande besteira que o Governo fez, em privatizar as ferrovias no Brasil.

    O fato é que quando terminou o processo de privatização, o Pais contava com aprox. 20.000 km de linhas férreas em operação ( menos de 1/10 do que existe nos EUA!!!!). Hoje, não tenho idéia de quantos km existem! Só existem os trechos que são rentáveis às concessionárias, o resto tudo foi desativado ou surrupiado!!!!!

    Aqui dentro de Curitiba, passam ainda alguns trechos de linhas do trem de carga, e os Prefeitos e a população querem por força “banir” o trem de dentro da cidade, e até com certa razão, pois a linha de ferro era periférica à cidade, hoje está dentro, e um trem cargueiro atrapalha em tudo: ruído, interupção de vias publicas, até alguns acidentes. Enfim, existem projetos de tirar o trem cargueiro para fora das áreas urbanas, inclusive para fora da Região Metropolitana!

    Mas, o meu sonho é verem transformadas as linhas dentro da cidade, em linhas de passageiros, linhas para VLTs (Veículos Leves s/Trilhos), sistema de transporte publico, que todos os Paises do 1° Mundo utilizam. Os governantes falam em “erradicação” destas linhas, mas eu espero que eles mudem de idéia e pensem melhor. Várias cidades metropolitanas poderiam ser integradas com a Capital Curitiba, se fossem aproveitadas estas linhas e inclusive construídas mais linhas.

    Temos o trem litorina e de passageiros (também) que desce ao litoral (Paranaguá), mas não vai às praias. As praias ficam mais para o sul, a mais próxima é Pontal do Sul, mas não tem uma ligação com Paranaguá.

    Parabéns pela iniciativa, vamos “ressurgir” a cultura ferroviária!!!!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s