Todo ser humano tem direito a um lar

Vídeo da coletiva de imprensa concedida na sede da ONU em NY na sexta, 23.

Enquanto todos estão discutindo ativamente a relação entre a crise financeira global e a redução do crédito, ninguém fala sobre o impacto da crise financeira no direito à moradia adequada.

As políticas de moradia foram construídas como iniciativas de bem-estar social na Europa e nos Estados Unidos. Porém, com a inversão desta política, pela primeira vez em um século pode-se observar a formação de favelas, a maioria habitada por imigrantes, nas periferias de cidades como Madri.

O primeiro passo foi reconhecer que existe um problema de moradia. Daqui para frente, serão necessárias políticas públicas para garantir que uma pessoa sem recursos tenha garantido seu direito à moradia digna. Vídeo completo disponível aqui.

2 comentários sobre “Todo ser humano tem direito a um lar

  1. Please – are you kidding me? YOU are going to tour the cities in the U.S. and then tell us if we have adequate housing for the poor? Really? Why don’t you go to Rowanda, Cuba, Saudi Arabia or Inodnesia to name a few. Our poor live better than most people in the rest of the world. It’s not the government’s responsibility to house every person. Let charities, churches and community groups worry about that. How many other countries have so much charity and groups like Habitat who build homes for the poor? This is a waste of taxpayer money – yet again!!!!

  2. Falar em pobreza para um americano não é a mesma coisa que falar em pobreza para quem coexiste com ela. Parece que lá responsabilidade pública pode ser perfeitamente transferida para a benevolência de grupos e da caridade.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s